Bandas que tocou no carnaval que eles esperam que o cache da Cidade do Rio de janeiro por cinco meses | Rio de Janeiro | G1

Bandas que tocaram no carnaval esperam cachê da Prefeitura do Rio há cinco meses
Bandas que tocaram no carnaval esperam cachê da Prefeitura do Rio há cinco meses

Músicos contratados pela Prefeitura do Rio para tocar no carnaval 2018 não foram pagos

Músicos contratados pela prefeitura do Rio para jogar no carnaval de 2018 não foram pagos

Mais de uma centena de músicos contratados pela prefeitura do Rio para jogar no carnaval deste ano estão livres para receber até hoje. Dezesseis bandas foram selecionadas para jogar durante os quatro dias de folia e combinado com a cidade foi que cada um iria receber R$ 10 mil para os quatro dias de trabalho. Mas, cinco meses após o evento, ninguém viu a cor do dinheiro.

O músico Lassaval Farias diz Riotur informa a cada semana, para que o pagamento venha de fora, mas até agora, nenhuma das bandas recebido.

“Agora, estou sabendo que não previsão de fazer um pagamento que eles têm. Alguns são mais necessitados. Eu, por exemplo, fez um empréstimo para pagar alguns músicos que estavam em necessidade. Nós, infelizmente, depende desse dinheiro”, disse Farias.

Ele disse que agora toca no carnaval, no rio de janeiro há 20 anos e nunca passou por uma situação semelhante. No passado, 45 dias antes do carnaval, pagaram 50% da taxa para as bandas selecionadas. E, no máximo, 45 dias após o evento quitavam o pagamento.

“Cinco meses sem receber, nunca tinha acontecido. A primeira vez que acontece isso, e os músicos são muito triste, muito triste com isso”, disse Farias.

A Riotur informou, através de nota, que tem mantido diálogo constante com a secretaria municipal de Finanças para buscar esse dinheiro e o que você espera, apesar dos obstáculos burocráticos da crise financeira, a previsão de pagamento para acontecer mais cedo. Mas não tem uma data, para cumprir o que foi acordado no contrato com as bandas.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*