Em seguida, vem o primeiro Guia para o EXAME da Conformidade | EXAME

Vem aí o primeiro Guia EXAME de Compliance
Vem aí o primeiro Guia EXAME de Compliance

Compliance

(Towfiqu Fotografia/Getty Images)

São Paulo — o EXAME prepara um novo lançamento para este ano: o Guia EXAME de Conformidade. A publicação vai destacar as empresas com sistemas de cumprimento mais eficiente. O levantamento será feito com base em dados fornecidos pelas próprias empresas, e auditadas por EXAME, pelo Instituto FSB Pesquisa, e pela Fundação Dom Cabral. Especial destaque será dado para escritórios e empresas de consultoria que trabalhou na implementação dos programas.

Também serão divulgados os resultados de uma nova pesquisa do Instituto FSB, com empresas de todo o Brasil, a partir de uma amostragem estatística: o Mapa do Brasil de Conformidade. Para classificar as melhores práticas dentro das empresas, EXAME de espera inspirar outras organizações para melhorar os seus esforços nesta área, destaca Roberto Caetano, editor-chefe da revista.

Veja também

Metodologia

O exame e o FSB vai convidar as empresas para o preenchimento de um questionário online, que será disponibilizado em breve. O questionário foi dividido em sete partes:

  • Estrutura da conformidade
  • O uso de tecnologia em conformidade
  • A maturidade e a eficiência do cumprimento
  • A estrutura do código de ética
  • Sistemas de combate a corrupção
  • Procedimentos legais e de conformidade
  • Comunicação da conformidade.
  • O FSB irá tabular os dados e elaborar o ranking nas preliminares. Na sequência, os jornalistas do EXAME são a visitar as empresas mais bem ranqueadas para verificar as informações fornecidas. Em seguida, o ranking será submetido a um conselho de curadores constituído por especialistas no tema:

    • BRUNO BARATA, advogado, especialista em direito administrativo, com um grau de liderança da Harvard
    • DALTON SARDENBERG, professor de governança corporativa da Fundação Dom Cabral
    • FELIPE DANTAS DE ARAUJO, consultor jurídico da CGU
    • HELOISA BEDICKS, superintendente do IBGC
    • MARCELO STOPANOVSKI, ex-secretário da CGU e sócio-diretor da Consultoria Stopanovski
    • MARCEL DALTRO, um jurista, um especialista em relações governamentais, parceiro de Nelson Wilians Advogados Associados
    • MARCELO CRESPO, um advogado com um certificado internacional de conformidade, o diretor-geral do Abrarc
    • RODRIGO MUDROVITSCH, advogado criminalista, com especialização em direito público
    • VALDIR SIMÃO, ex-ministro-chefe da CGU e um ex-ministro do Planejamento

    Seja o primeiro a comentar

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado.


    *